REALIDADE OCULTA QUE NÃO SE PUBLICA NA MÍDIA


COMO NÃO SER VITMA DO TERREMOTO

 

Terramotos:

Infelizmente em muitos países, os edifícios não são muito resistentes, os construtores poupam no material e a estrutura dos edifícios fica pouco resistente.

 

Em sua casa não deixe objectos grandes (móveis, relógios, quadros, esculturas) em zonas que possam ferir alguém ao cair. Caso ocorra um sismo esses objectos iriam tombar.

Por exemplo, um quadro por cima da cama, poderia cair e partir-se, ferindo quem dormia na cama.

Um móvel grande perto da mesa de jantar, poderia tombar e ferir quem estivesse à mesa.

 

Se ocorrer um sismo não desça pelo elevador do edifício,

Se morar numa casa no campo, saia para a rua, se não for possível proteja-se debaixo de uma mesa forte, ou entre a aresta da porta.

Pratique com os familiares um simulacro, para se recordarem sempre como agir nessas situações.

Se lhe cheirar a gás, desligue o gás, convém ir verificar se ficou tudo normal, verifique também se não ficaram detergentes derramados em casa.

Durante um sismo afaste-se das janelas, pois os vidros poderiam partir.

Se estiver num escritório, por exemplo, esconda-se debaixo da mesa, ela dar-lhe-ia protecção caso caíssem pedaços do tecto, ou candeeiros, etc.

 

Uma coisa que acho pouco segura, são os centros comerciais, a maioria deles tem tectos de vidro, enormes, se ocorrer um sismo forte esses vidros podem quebrar-se e cair em cima de centenas de pessoas.

 

Se estiver na rua, durante um terramoto, preste atenção aos cabos de alta-tensão que poderiam partir-se e cair.

Afaste-se de sinais de trânsito, candeeiros, árvores, algo que pudesse tombar.

Se estiver no carro, aconselham a permanecer-se dentro do veículo.

 

Se os edifícios forem resistentes, podem salvar-se milhares de vidas, veja o exemplo do Japão, ocorrem muitos sismos por vezes superiores a 7 na escala richter, mas os edifícios são bem preparados e aguentam, raramente há mortos, por vezes só há 10 ou 20 feridos.

Mas se um sismo (mais fraco) de grau 5 ocorre no Paquistão, por exemplo, os edifícios começam a ruir, morrem milhares de pessoas ( em Maio de 2000 por exemplo, morreram umas 50.000 pessoas).

 

Em Portugal aconteceria o mesmo, a maioria de edifícios são fracos, vejo muitos serem construídos com paredes frágeis feitas de blocos de “pedra giz” branca, após uns meses eles por si mesmos começam a sofrer rachaduras nas paredes (mesmo sem nenhum sismo ocorrer).



Visite sempre este website. Sempre haverá novidades e notícias que não se divulga